quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Maçã desidratada com canela

Sou uma grande fã da fruta desidratada. Aliás, sou uma grande fã de fruta em geral, mas gosto da textura diferente da fruta desidratada. Costumo utilizá-la de várias formas, mas sobretudo simples, como um pequeno lanche ou quando me dá vontade de comer alguma coisa doce. Comprava habitualmente aqueles pacotes da Fruut ou da Frubis (sobretudo os da Fruut porque os outros têm açúcar adicionado e acho que é perfeitamente dispensável na fruta desidratada que fica por si só muito mais doce que a fruta normal).

Até que encontrei uma máquina de desidratar alimentos! Agora acabo por ter sempre um frasco com fruta desidratada em casa, que fiz com aquelas maçãs (peras, bananas... ) que já andavam a rolar na fruteira há algum tempo e com destino incerto.

Tem um problema (que na verdade já existia com as de compra): desaparece à velocidade da luz!

Maçã desidratada com canela

Ingredientes:

2/3 maçãs (dependendo do tamanho delas e da capacidade da máquina; podem ser de qualquer qualidade)
canela em pó q.b
sumo de limão q.b.

Preparação:

Depois de lavadas, descaroçar as maçãs, cortá-las finamente (a utilização de um descaroçador e de uma mandolina facilitam muito esta etapa) e secá-las com papel absorvente.



Colocar as maçãs num recipiente para regá-las com um pouco de sumo de limão e polvilhá-las com canela em pó a gosto. As maçãs ficam muito frágeis depois de cortadas, por isso devem fazê-lo com cuidado.


De seguida, distribuir as fatias de maçã nos vários tabuleiros da máquina de desidratar, evitando sobrepô-las (facilita a circulação do ar e tornam-se mais crocantes).



Programar 10 horas a 70.º C. 
Quando prontas, devem ser guardadas num frasco hermeticamente fechado.


Sem comentários:

Publicar um comentário